Texturas no metal aplicadas à Joalheria Artesanal

A aula de texturas sobre metal tem a proposta de apresentar as diversas técnicas e suas inúmeras possibilidades em termos de aplicação.

Com a aplicação das texturas, o aluno descobre novas possibilidades criativas assim como a possibilidade de, nas suas peças, imitar formas, por exemplo, da natureza. É muito comum utilizarmos a técnica de texturas para representar galhos retorcidos, folhas e flores, superfícies de pedras, carapaças de insetos, entre outros.

Algumas das técnicas ensinadas na escola, que explicamos mais abaixo, são: martelado, fio de arame, laminador, fusão e reticulado. Sempre recomendamos aos nossos alunos que façam um mostruário das texturas experimentadas.

Martelado:

Criam-se texturas no metal com punções ou com batidas do martelo. Assim, pela repetição do desenho obtemos efeitos variados e interessantes.

Ex: Corrente de elos martelados de Mariana Bressane

Fio de arame:

A técnica consiste em passar um desenho, previamente modelado em fio de arame com o alicate, para uma chapa de metal. Colamos o “desenho em fio”na chapa do metal com fita adesiva e martelamos até que a chapa fique bem marcada com o desenho.

Laminador:

Para criar a textura com o laminador o metal deve ser laminado junto com um papel grosso, tecido ou outro material que possa transferir o desenho para a chapa com que será feita a peça. No caso de usarmos um papel grosso, desenhamos e recortamos o desenho, de forma que as partes vazadas do papel serão as partes salientes da chapa e, onde estiver o papel, a prata ficará em baixo relevo.

Ex: Man s Sterling Silver Branch Wedding Ring Thick Chunky

https://www.zyajqjm.com/wood-and-silver-wedding-rings/

Fusão:

Consiste em fundir retalhos de metal formando um desenho qualquer. Com fogo forte (pode ser utilizado o maçarico de oxigênio) as partes irão se fundir, sem a utilização de solda.

Ex: pingente em prata imitando galho

Reticulado

A técnica permite a fusão de uma superfície de metal, de forma controlada para chegar na textura desejada. A chapa deve ser recozida e jogada quente numa solução de ácido aproximadamente umas 7 vezes para eliminar todo o cobre da superfície da chapa. Dessa forma criamos uma chapa de Ag 1000 na superfície. Utilizamos o maçarico com o bico maior e totalmente aberto para obter uma chama forte que nos permita derreter e empurrar o metal da superfície. Quanto mais tempo repetir o processo, mais intenso ficará a textura.

Ex: pingente Lua.

#cursodejoalheria #escoladejoalheria #joalheriaartesanal #texturasnajoalheria

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

carmen@carmenlombardi.com.br 

telefones: (11) 5531-3372 e (11) 99814-9257

  • YouTube - White Circle
  • White Pinterest Icon
  • Facebook Clean
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now